Biscoito lua de mel

receita-biscoito-lua-de-mel-lu-bonometti

Ingredientes

½ xícara de açúcar (100 g);
250 g de manteiga, em temperatura ambiente;
½ colher (chá) sal;
3 2/3 xícaras (chá) de farinha de trigo (450g);
1/2 xícara de mel;
açúcar de confeiteiro para cobrir os biscoitos.

Modo de preparo

 1.Com a ajuda de uma batedeira (se você tiver uma planetária, use o batedor raquete), bata o açúcar e a manteiga até ter um creme fofo.
2. Incorpore, aos poucos, a farinha e o sal. Se a massa estiver ficando muito pesada para a sua batedeira, prossiga com uma espátula ou com as mãos.
3. Forme uma bola de massa, achate um pouco e envolva com filme plástico. Leve à geladeira por, ao menos, meia hora.
4. Preaqueça o forno a 180 ºC e abra a massa com a ajuda de um rolo até a espessura de 0,5 cm. Com um cortador redondo (ou tampa de pote) ou em forma de lua, corte a massa.
5. Para cortar a massa em forma de lua usando um cortador redondo, corte primeiro um circulo na parte mais de baixo da sua massa aberta, em seguida, suba o cortador até a metade do primeiro círculo e corte novamente. A parte do segundo círculo acima do primeiro estará em forma de lua. Remova-a, coloque na assadeira e siga deslocando o cortador para cima e cortando sucessivamente, lembrando sempre de tirar cada lua quando cortar, senão no corte seguinte você estragará a anterior.
6. Disponha as luas em uma assadeira. Não é necessário untar nem deixar muito espaço entre os biscoitos.
7. Leve ao forno por cerca de 10 minutos. Tire quando estiverem começando a dourar.
8. Deixe que esfriem e grude os pares de biscoito com um pouco de mel. Passe, então, em açúcar confeiteiro, tomando cuidado para não separar as metades.

Fonte:https://revistacasaejardim.globo.com/

Receita da chef Lu Bonometti

Deixe um comentário

Arquivado em Biscoitos, Doces, Sobremesas

Tortinha de frigideira

217408461_349807533368442_7872886027057954685_n

Ingredientes

1 ovo

1 Col sopa de pasta de amendoim integral

1 Col sobremesa de mel

2 Col sopa de farelo de aveia

1 pitada de canela em Pó

1 c café de fermento em pó

1 banana prata para forrar o fundo da frigideira.

Modo de preparo

Cortar 1 banana em fatias longitudinais e reservar. Bater o ovo, mel e pasta com garfo ou fouet, acrescentar a aveia, canela se quiser e por último o fermento. Com a frigideira quente, untar e colocar as fatias de banana no fundo, despejar a massa por cima e tampar. Manter fogo baixo para assar lentamente. Quando a massa firmar virar para dourar o outro lado..

Obs. O ponto da massa é ponto de bolo, por isso a pasta de amendoim precisa estar bem molinha. Se não usar mel precisa colocar leite ou bebida vegetal para dar ponto da massa.

Fonte: Só quero receitas (facebook)

Deixe um comentário

Arquivado em Doces, Sobremesas, Tortas

Bolo de iogurte e limão

213450136_2991933984375424_9018541437321475177_n

Ingredientes

4 ovos
1 xícara de chá de iogurte natural
1 xícara de chá de açúcar refinado
2 colheres (sopa) de raspas de limão
Suco de 1 limão (usei o taiti)
1/2 xícara de óleo
2 xícaras de chá de farinha de trigo peneirada
1 colher (sopa) de fermento em pó
 
Modo de preparo
 
Pre aqueça o forno a 180ºC.
Leve ao liquidificador os ovos, o iogurte, o açúcar e o óleo e bata.
Acrescente as raspas de limão, em seguida a farinha de trigo e por último o fermento somente para misturar.
Leve ao forno em forma untada e enfarinhada por aproximadamente 35 minutos (depende do forno)
Cobertura: basta misturar 1 lata de leite condensado com o suco dos limões (quantidade a gosto).
 
Fonte: Doces dicas

Deixe um comentário

Arquivado em Bolos, Doces, Sobremesas

Pão de colher

Ingredientes

2 XÍCARAS E 1/2 FARINHA DE TRIGO SEM FERMENTO (340 gramas)

1 COLHER DE SOPA DE AÇÚCAR PODENDO ADICIONAR MAIS SE PREFERIR (25 GRAMAS)

1 COLHER DE CAFÉ SAL (5 GRAMAS)

1/2 SACHÊ DE FERMENTO BIOLÓGICO SECO (5 GRAMAS) OU 15 GRAMAS DO FERMENTO BIOLÓGICO FRESCO

1 XÍCARA DE 240 DE LEITE MORNO

1 COLHER DE SOPA MARGARINA OU MANTEIGA (25 GRAMAS)

1 OVO INTEIRO

PARA PINCELAR: 1 GEMA COM 1 COLHER DE SOPA DE LEITE

Modo de preparo

Conforme está no video

Fonte:Kdelíciacozinha

Deixe um comentário

Arquivado em Alimentos, Pães

Receita do meu blog na revista Todos da Drogasil

Esta receita de risoto de carne seca é do chef Nello Garaventa. Maravilhosa

Deixe um comentário

Arquivado em Alimentos, Risotos

Bolo de cenoura

206541752_10227381590352311_2358426234654991639_n

Hoje resolvi inovar e fazer uma receita de bolo de cenoura diferente da minha receita tradicional.

Esta receita é da Tati Romano, tirei do site dela Panelaterapia. Ficou simplesmente maravilhoso o bolo.

Tomamos um café/chá da tarde delicioso . Ideal para o dia chuvoso aqui em Porto Alegre

Segue a receita

Ingredientes

Para a massa do bolo é só bater no liquidificador ou mixer:

1 cenoura grande sem casca picada
4 ovos
150 ml de óleo

Depois de bater bem, em outro recipiente (porque é uma massa densa e seu “liqui” não vai dar conta de bater), junte:


2 xícaras (chá) de farinha de trigo
2 xícaras (chá) de açúcar
1 colher (sopa) de fermento em pó.

Leve a massa para assar em forno preaquecido em 200º por cerca de 35 minutos (esse tempo pode variar absurdamente dependendo da marca do forno, então faça o teste do palito).

Para a cobertura:


Leve ao fogo 1 lata de leite condensado, 1 colher (sopa) de manteiga sem sal, 2 colheres (sopa) de chocolate em pó

Pronto!!! Agora é só comer!!!

204457676_10227381584792172_1808287469911738570_n

Fonte: https://panelaterapia.com/

Deixe um comentário

Arquivado em Bolos, Doces

Pudim de iogurte grego com calda de morango

1220536816-pudim-iogurte-grego-calda-morango-768x512

Já decidiu qual sobremesa vai abrilhantar seu fim de semana? Esta receita de pudim de iogurte grego com calda de morango é uma opção maravilhosa de sobremesa para fechar com chave de ouro uma refeição em família! A calda de morango vai deixar o pudim ainda mais cremoso.

Ingredientes

2 potes de iogurte grego natural (200g)

1 lata de creme de leite

1 lata de leite condensado

1 envelope de gelatina em pó sem sabor incolor

Óleo para untar

Calda

3 xícaras (chá) de morango picado

1 xícara (chá) de açúcar

1 colher (sopa) de suco de limão

Modo e preparo

No liquidificador, bata o iogurte grego, o creme de leite, o leite condensado e a gelatina preparada conforme as instruções da embalagem até ficar homogêneo.

Despeje em uma fõrma de buraco no meio de 22cm de diâmetro untada e leve à geladeira por 4 horas ou até firmar.

Para a calda, em uma panela, leve todos os ingredientes ao fogo baixo, mexendo até firmar uma geleia. Desligue e deixe esfriar.

Desenforme o pudim, regue com a calda já fria e sirva.

Fonte: https://www.terra.com.br/

Deixe um comentário

Arquivado em Doces, Pudins, Sobremesas

Torta folhada de queijo e brócolis

AAL2HT7

Ingredientes

  • 1 pacote de massa folhada (400g)
  • 2 colheres (sopa) de manteiga
  • 2 xícaras (chá) de brócolis em buquês
  • 1 cebola em cubos
  • 1 xícara (chá) de queijo muçarela ralado
  • 4 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado
  • 1 lata de creme de leite (300g)
  • 2 ovos
  • Sal, pimenta-do-reino e noz-moscada ralada a gosto

Modo de preparo

Forre o fundo e a lateral de uma fôrma de aro removível grande com a massa folhada. Fure a massa com um garfo e leve ao forno médio, preaquecido, por 15 minutos. Retire e reserve. Aqueça uma panela com a manteiga, em fogo médio, e refogue o brócolis e a cebola por 5 minutos. Em uma tigela, misture o queijo muçarela, o parmesão, o creme de leite e os ovos com um garfo. Acrescente o refogado de brócolis e tempere com sal, pimenta e noz-moscada. Espalhe o recheio sobre a massa e volte ao forno médio, preaquecido, por 30 minutos ou até dourar. Deixe amornar, desenforme e sirva.

Fonte: https://www.msn.com/

Deixe um comentário

Arquivado em Acompanhamentos, Alimentos, Salgados, Tortas salgadas

Suflê de batata com molho branco

1768514092-sufle-batata-molho-branco-768x512

Que tal preparar um acompanhamento diferente para o seu jantar? Confira a receita do suflê de batata com molho branco e teste hoje mesmo!

Ingredientes

  • 2 colheres (sopa) de margarina
  • 1 cebola picada
  • 2 dentes de alho picados
  • 2 colheres (sopa) de farinha de trigo
  • 2 xícaras (chá) de leite
  • 2 xícaras (chá) de água
  • 1 xícara (chá) de purê de batata Yoki® (flocos de batata)
  • Sal e pimenta-do-reino preta a gosto
  • 1 pitada de noz-moscada moída
  • 3 ovos
  • Margarina para untar
  • Queijo mussarela ralado para polvilhar

Modo de preparo

Em uma panela, em fogo médio, coloque a margarina, a cebola e frite até dourar. Junte o alho e doure. Adicione a farinha e mexa até incorporar. Acrescente o leite e a água, aos poucos, mexendo sempre para não empelotar. Quando levantar fervura, desligue o fogo e acrescente o purê de batata. Tempere com sal, pimenta e a noz-moscada. Espere esfriar. Separe as claras das gemas, junte as gemas ao purê e misture. Bata as claras em neve e junte delicadamente ao purê. Unte uma fôrma com margarina e coloque o suflê. Polvilhe com queijo e leve ao forno médio, preaquecido, por 30 minutos ou até gratinar. Sirva em seguida.

Fonte: https://www.terra.com.br/

Deixe um comentário

Arquivado em Acompanhamentos, Alimentos, Suflê

Plantas fáceis de cultivar em casa

Nem sempre é fácil escolher a planta que melhor se adequa a ambientes internos, por este motivo muitas pessoas acabam desistindo de cultivar após fracassar algumas vezes. O primeiro passo para ter uma planta é entender que a maioria delas precisa ao menos de uma janela por perto.

Além da luminosidade, outro fator importante é saber quando regar sua plantinha. Por exemplo, se você tem suculentas (plantas que acumulam água), não há necessidade de regar todos os dias, de forma geral rega-se 01 (uma) vez por semana ou 01 (uma) vez a cada 10 (dez) dias.

Quando você tem plantas com folhas grandes e largas, isso “pode indicar” que esta é uma planta que perde mais água para o meio, necessitando assim de regas mais frequentes. Leve sempre em consideração observar sua planta e como ela reage a estímulos luminosos e hídricos.

Para facilitar a vida de quem ainda não tem muita experiência com as plantas, segue uma lista de plantas que são fáceis de cultivar dentro de casa ou apartamento.

Suculentas

suculentas-sv-001-2

Estas são plantas fáceis de cultivar e podem ser encontradas em locais como supermercados e floriculturas por um preço baixo. Geralmente são plantas pequenas e que se adequam a diversos tipos de ambientes. Observe sua suculenta, pois é fácil notar quando estão com sede ou com necessidade de mais luz solar. 

Zamioculca

zamioculca-sv-001

Esta, sem dúvidas, é uma das plantas que mais resistem a ambientes com pouca luminosidade natural. É originária da África, com folhas bem verdes e brilhantes. Tornou-se popular entre os brasileiros por sua rusticidade e beleza. Gosta de solo bem drenável e regas regulares, mas sem encharcar. Se você tem pouca luz natural vale apostar nesta planta.

Antúrio

anturio-sv-001

Planta rústica que precisa de pouca iluminação natural, muito boa para cultivar em ambientes internos. Quando se fala de antúrio, a maioria das pessoas logo lembra da planta com folhas verde escuras e flores vermelhas, mas vale lembrar que existem antúrios de diversas cores. Esta espécie gosta de solos com boa capacidade de drenagem (ex: fibra de coco, pedaços de madeira encorporados ao solo) e não exige muita água, podendo ser regada 01 (uma) ou  02 (duas) vezes por semana.

Lança-de-São-Jorge

lança-de-sao-jorge-sv-001-1

Outra planta bastante rústica que tolera tanto pouca luminosidade quanto locais com sol direto. Isso não significa que a planta poder ser mudada de um local com sombra diretamente para um local com sol pleno. As plantas precisam ir adaptando-se às mudanças, então quando for mudar de local, faça isso aos poucos. As lanças preferem solos mais argilosos, o que faz com que a terra fique molhada por mais tempo e não precise de tantas regas. Espadas-de-São-Jorge podem ser cultivadas da mesma forma que as lanças.

Lírio-da-paz

lirio-da-paz-sv-001

Com esta planta não tem muito segredo, basta plantar em terra comum adubada e lembrar de regar (01) uma ou 02 (duas) vezes por semana. Se possível escolha um local bem próximo da janela ou que pegue sol direto pelo menos uma hora por dia. As flores brancas realmente trazem paz para o ambiente!

Palmeira-ráfis

rafis-sv-001

A ráfis ou ráfia é uma das queridinhas quando se fala de ambientes internos e rusticidade. Ela precisa estar próxima de janelas e portas, ter um solo com boa capacidade de drenagem e dependendo do tamanho do vaso ser regada 01 (uma) ou 02 (duas) vezes por semana. Pelo fato de serem palmeiras, decoram o ambiente trazendo tropicalidade para as áreas internas.

Singônio

singonio-sv-1

Planta de sombra extremamente rústica, pode ser cultivada em qualquer tipo de solo e precisa de regas regulares de 01 (uma) a 02 (duas) vezes por semana. Houve uma ocasião em que tive de viajar e meu singônio conseguiu aguentar 02 (duas) semanas sem água tranquilamente. Não precisa de luz solar direta.

Jiboia

jiboia-sv-1

Pode ser cultivada na sombra e não é muito exigente com relação a solos e regas. Se desenvolve com rapidez e poder ser utilizada tanto como trepadeira como planta pendente. A jiboia é uma das plantas apontadas para purificar ambientes, trazendo benefícios para qualidade do ar.

Peperômia

peperomia-sv-1

São facilmente encontradas em gardens shoppings e floriculturas. Geralmente são bem baratas e trazem um efeito de cascata muito bacana para ambientes internos. São fáceis de reproduzir por estacas e devem ser regadas pelo menos (02) duas vezes por semana. Não necessitam de luz solar direta, basta estar em um ambiente com luminosidade natural.

Fonte: http://somosverdes.com.br/

Deixe um comentário

Arquivado em Plantas e folhagens