Arquivo do mês: julho 2016

Receita de bombom de morango

bombommorangooooo

Ingredientes

  • 25 morangos
  • 1 lata de leite condensado
  • 1 colher (sopa rasa) de margarina
  • Margarina para untar as mãos
  • 400 g de chocolate ao leite fracionado

Modo de preparo

  1. Comece deixando os morangos (inteiros) mais bonitos, sem batidinhas, de molho em água somente
  2. Não tire os cabinhos
  3. Enquanto isso, prepare um brigadeiro branco com o lata de leite condensado e a margarina no micro-ondas por 6 minutos em potência alta, mexendo a cada 2 minutos
  4. Acomode numa travessinha e espere esfriar
  5. Reserve
  6. Se preferir, poderá preparar numa na panela, mexa sempre até que o fundo da panela apareça
  7. Retire os cabinhos dos morangos e os deixe secando sobre uma toalha de papel
  8. Reserve os cabinhos separadamente
  9. Então, unte as mãos com margarina sem sal e pegue uma porção de brigadeiro já frio (não coloque na geladeira)
  10. Abra a massa finamente e dentro arrume o morango seco
  11. Feche com calma, sem deixar que apareça a fruta
  12. Repita isso até que acabem os morangos, colocando-os sobre uma travessa untada com margarina
  13. Leve à geladeira para firmar
  14. Para a cobertura, coloquei dentro de uma tigela grande no microondas o chocolate ao leite fracionado derretendo de 30 em 30 segundos, até que ficasse como uma calda bem lisa e uniforme
  15. Cuidadosamente, dê um banho nos morangos e cole os cabinhos aproveitando que o chocolate ainda está mole
  16. Espere que sequem todos para provar

Fonte:http://receitatodahora.com.br/

Deixe um comentário

Arquivado em Bombons, Confeitarias, Doces, Sobremesas

Receitas de inverno!

Tempo frio combina com sopa, risoto,massa…

Pratos gostosos que, de quebra, ainda esquentam o corpo. Para entrar no clima da nova estação, que tal saborear pratos que são a cara do inverno? Aprenda  receitas que vão te inspirar a tirar os casacos do armário.

POLENTA COM RAGU DE RAQUETE

polenta

Ingredientes

Polenta

1,8 litro de água (mais, se necessário);
40 g de manteiga sem sal;
1 colher (sopa) de sal;
400 g de sêmola de milho (fubá não muito fino).

Ragu de raquete
75 g de bacon picado em cubinhos;
50 ml de azeite de oliva;
750 g de raquete, sem gordura, cortada “na ponta da faca” (cubinhos bem pequenos);
1 cebola média bem picada;
1 talo de salsão picado;
1 cenoura média picada;
1 dente de alho amassado;
50 ml de vinho tinto seco;
1 raminho de tomilho;
500 ml de caldo de carne;
2 latas de tomate pelado picado, com o suco;
100 ml de leite integral;
sal e pimenta-do-reino a gosto.

Modo de preparo

Polenta
1 Em uma panela grande, coloque a água para ferver e adicione o sal e a manteiga. Logo que ferver, acrescente o fubá aos poucos, mexendo sem parar para que não empelote. O ideal é que a polenta cozinhe por 30-40 minutos em fogo baixo. Mexa constantemente e prove: ela pode ter aspecto de cozida, mas se o sabor tiver um final amargo é sinal de que se deve cozinhar mais um pouco.
2 Quando pronta e ainda cremosa, despeje em uma travessa ou em pratos individuais. Reserve.

Ragu de raquete
1
Em uma panela, aqueça metade do azeite e coloque o bacon. Deixe dourar brevemente. Retire com uma escumadeira e reserve. Na gordura que sobrou, refogue bem a carne, aos poucos, até que o líquido formado seque e ela comece a dourar. Retire do fogo e reserve.
2  Na mesma panela, sem lavar, junte o restante do azeite e salteie o alho e a cebola em fogo médio. Acrescente a cenoura e o salsão. Deixe murchar um pouco.
3 Coloque o bacon e a carne de volta e aumente o fogo. Deixe cozinhar por uns 5 minutos, mexendo de vez em quando. Acrescente o vinho e deixe evaporar. Em seguida, acrescente o caldo de carne, o tomate pelado e o tomilho. Diminua o fogo e tampe a panela. Depois de 45 minutos de cozimento, vá acrescentando o leite às colheradas, a cada 10 minutos. Misture bem após cada adição.
Quando a carne estiver quase cozida (cerca de 1 hora e meia, ou quando a carne estiver bem macia), tempere com sal e pimenta-do-reino. Continue cozinhando até que o ragu fique comum caldo espesso e bem cremoso. Sirva em seguida sobre a polenta.

SOPA DE ABÓBORA , CENOURA E COCO

sopa de abobora

Ingredientes

4 colheres (sopa) de azeite de oliva;
1 cebola picadinha;
4 talos de salsão picados;
2 dentes de alho amassados;
2 colheres (sopa) de curry em pó;
3 xícaras de abóbora japonesa descascada e cortada em cubos (reserve as sementes);
4-5 cenouras pequenas (ou 2 grandes) descascadas e cortadas em cubos;
suco (100 ml) e raspas de 1 laranja;
4 xícaras de caldo de legumes;
1/2 colher (chá) de flocos de pimenta calabresa;
2 colheres (chá) de folhas de tomilho;
400 ml de leite de coco;
sal a gosto.

Modo de fazer
1
Preaqueça o forno a 180°C.
2 Aqueça 3 colheres (sopa) de azeite numa panela e refogue a cebola e o salsão, até amolecerem.
3 Ad icione o alho, o curry em pó, a abóbora e a cenoura e refogue por 1 minuto.
4 Acrescente o suco e as raspas de laranja, mais o caldo de legumes, e deixe em fogo baixo até que todos os ingredientes estejam cozidos.
5 Lave as sementes de abóbora, seque bem e regue com o azeite restante. Adicione a pimenta calabresa e o tomilho e asse por 20 minutos ou até que as sementes fiquem crocantes. Reserve.
6  Incorpore o leite de coco à sopa e deixe em fogo baixo por 5 minutos. Acerte o sal.
7 Bata no liquidificador até obter uma mistura homogênea e sirva em tigelas,
salpicadas com as sementes de abóbora.

CALDO PARA CAPPELLETTI 

capelleti

Ingredientes

Ingredientes
4 litros de água;
azeite para refogar;
2 kg de frango (ossos incluídos);
3 cebolas;
6 cenouras;
1 talo de salsão (pode usar as folhas também);
2 folhas de louro;
um maço de tomilho;
um maço de salsinha;
grãos de pimenta-do-reino.

Modo de fazer
1 Preaqueça o forno a 200°C. Coloque os pedaços de frango e os ossos em uma fôrma e asse por 20 minutos. Reserve.
2 Em uma panela grande, refogue com azeite as cebolas, as cenouras e o salsão. Junte todo o frango. Acrescente a pimenta-do-reino em grãos, as ervas e cubra com a água. Não tampe a panela. Depois de ferver, abaixe o fogo para o mínimo e deixe por uma hora e meia. É importante não ferver o caldo, para que o brodo fique clarinho. Com uma escumadeira, retire a espuma superficial  que se forma. Coe o caldo e sirva com cappelletti.

Dica
Aproveite o frango refogado para fazer recheio de tortas.

Fonte:http://revistacasaejardim.globo.com/

Deixe um comentário

Arquivado em Salgados, Sopas

Salada de frango com nozes

salada_frango_nozes

Ingredientes

1 unidade peito de frango médio cozido e desfiado

1/2 xícara(s) nozes picadas

200 g milho no vapor (uma lata)

1 xícara(s) Maionese Hellmann´s sabor manjericão

1 xícara(s) alface cortada em tiras finas (para decorar) –

Modo de preparo

  1. Em uma tigela média, junte o peito de frango cozido e desfiado, as nozes picadas e o milho no vapor e envolva com a maionese.
  2. Coloque em uma travessa, decore com a alface cortada em tiras finas e sirva em seguida.

Fonte:http://cliqueagosto.r7.com/

 

Deixe um comentário

Arquivado em Acompanhamentos, Saladas, Salgados

Porque hoje é o “Dia da Pizza”!!!!!

Essa receita de massa de pizza sem glúten é super prática e saborosa, você nem vai lembrar que está comendo uma massa sem glúten…

Quem tem intolerância ao glúten ou à lactose( celíacos) precisa se submeter a uma dieta restrita, que tem sido adotada também por quem deseja emagrecer.

Fonte:https://www.youtube.com/watch?v=GnJTA2464fE

Deixe um comentário

Arquivado em Pizzas

Bauru de forno delicioso

Gente olhem o que encontrei na internet.

Ninguém merece!

Fonte:Receita da Adriele Lagustera

Deixe um comentário

Arquivado em Pães, Pizzas, Salgados

9 programas para se sentir na praia sem sair de São Paulo

Muitas pessoas que moram na capital de São Paulo vivem reclamando da falta de praia ou de opções de lugares com um clima mais leve, típico praiano. Entretanto, mesmo sem areia, mar e maresia, alguns bairros paulistanos nos oferecem locais incríveis que, ainda que não sejam praias, de fato, nos fazem sentir como se estivéssemos nelas.

frutaria-sao-paulo

CONFIRA

1- PÉ NO PARQUE

Com um projeto arquitetônico inspirador, o Pé no Parque não tem portas ou janelas em sua fachada. A casa possui ambiente clean, marcado pelas estruturas de madeira, vidro e verde. Nos dias de frio, o bar baixa os toldos transparentes e liga os aquecedores, tornando o espaço mais confortável aos frequentadores. Seja para um lanche, chá da tarde, almoço, jantar, happy hour com amigos, repor as energias depois do treino ou um café da manhã no fim de semana, o cardápio foi feito na medida para agradar a geração saúde. Para os adeptos dos alimentos orgânicos, existem sugestões de saladas, sorvetes e carnes grelhadas. A casa ainda conta com 22 tipos de sucos naturais, feitos com frutas de todo Brasil, como cupuaçu e graviola, além de cremes na tigela, vitaminas, smoothies e energéticos.

End. Rua Inhambú 240, perto do Parque Ibirapuera  Fone- (11)5051-3376

pe-no-parque-03

2-BAR PITICO

Formado por cinco containers em um espaço no Largo da Batata, o bar Pitico abriga uma cozinha, bar, palco, quitanda e escritório. Em um ambiente simples, descolado e com uma pegada alternativa, é possível se reunir no local para beber uma cerveja, experimentar drinks, comer um kebab e ouvir uma boa música. Como decoração, cadeiras de praia e bancos de madeira dão um clima leve e praiano.

End. Rua Guaicuã 61

pitico1

3-CASA NA PRAIA

Despojado como um quiosque à beira mar, o Casa na Praia abriu suas portas em janeiro de 2010, no bairro da Vila Mariana. Inspirada nas casas de praia do litoral paulista e influenciada pela história da época colonial, em que piratas, índios, colonos e jesuítas viveram episódios emocionantes nas belas praias e ilhas paulistanas, o Casa na Praia buscou dividir com seus clientes o ar gostoso, que nos relaxar e passar bons momentos. A culinária é simples e muito saborosa, com ingredientes frescos provenientes da pesca, da caça e das pequenas roças. Frutas nativas também garantem o sabor das receitas.

End.Rua Dr. Amâncio de Carvalho 329   Fone-(11) 5082-5002

bg-home

4-FRIDA & MINA

Praia combina com sorvete, e a maioria delas oferecem sorveterias deliciosas. Na Frida & Mina, os sorvetes e casquinhas são todos artesanais, deliciosos e elaborados apenas com ingredientes frescos e naturais, escolhidos com muito carinho. Localizada em uma rua calma e arborizada, as pessoas escolhem seus pedidos e costumam ficar na calçada, conversando e aproveitando o dia.

End.Rua Artur de Azevedo 1131

frida

5-PRAIA DO SESC BELENZINHO

Além de oferecer uma programação cultural incrível, o SESC Belenzinho conta com uma prainha com rede de vôlei, inspirada nas praias brasileiras. O espaço é perfeito para passar a tarde jogando com os amigos e curtir um momento “pé na areia”.

End. Rua Padre Adelino 1000  Fone- (11) 2076-9700

praia

6- MADUREIRA SUCOS

Para quem gosta de uma refeição gostosa – independente de ser café da manhã, almoço ou janta –, em um ambiente leve e descontraído, o Madureira Sucos é a opção certa. Com uma decoração alegre e praiana, o cardápio conta com sucos incríveis, além de lanches e pratos cheios de sabor e saúde.

End.Rua João cachoeira 217

madureira

7-PARIBAR

O projeto do Paribar foi pensado para fazer a máxima integração entre o cliente e a Praça Dom José Gaspar. Com uma grande calçada, as pessoas ficam na rua, conversando entre bebidas e comidas incríveis. Os bancos são inspirados nas peças dos anos 50, enquanto a carta de bebidas oferece as melhores combinações clássicas com o contemporâneo – há drinks com uísque, vodca, gim, tequila, rum, espumante, cachaça e saquê.

End.Praça Dom José Gaspar 42

paribar

8-FRUTARIA SÃO PAULO

A Frutaria São Paulo atende a todo o tipo de público, em especial os amantes de atividade física e pessoas que buscam um cantinho arborizado com tranquilidade. Para os atletas, a casa oferece opções de suplementos nutricionais no cardápio. Ainda que reserve boas opções saudáveis, como a quiche integral de espinafre com alho-poró e a lasanha de berinjela à bolonhesa, o local também conta com um recheado cardápio de sucos, smoothies e vitaminas. Vale ressaltar que a casa também possui local reservado para diversas bicicletas.

End. Av. Helio Pellegrini 100

frutaria-sao-paulo

9-PEIXARIA BAR E VENDA

O restaurante, que também funciona como bar, tem clima descontraído, com decoração praiana, e fica dentro da peixaria. O menu é variado e conta com uma boa cerveja gelada.
End.Rua Inácio Pereira da Rocha 112
peixaria-bar-e-venda

1 comentário

Arquivado em Dicas, Novidades

Pizza de sardinha

Adorei esta receita do Tastemade

Ingredientes

  • 2 xícaras de leite

  • 3 ovos

  • ¼ de xícara de óleo

  • 1 xícara de queijo ralado

  • 2 ½ xícaras de farinha de trigo

  • 1 colher de sopa de fermento em pó

  • 1 cebola

  • 2 dentes de alho

  • 1 lata de tomate pelado

  • 2 colheres de sopa de extrato de tomate

  • 3 latas de sardinha

  • Sal

Modo de preparo

  1. Em uma tigela, misturar o leite, os ovos e o óleo e o queijo ralado. Bater até obter uma mistura uniforme.

  2. Adicionar, aos poucos, a farinha de trigo e por último o fermento.

  3. Misturar até obter uma massa lisa e despejar em uma forma retangular, untada e enfarinhada.

  4. Levar ao forno a 180 graus, durante 15 minutos.

  5. Em uma panela, refogar a cebola picada até dourar. Adicionar o alho e deixar refogando até liberar o aroma. Adicionar os tomates pelados e o extrato de tomate. Cozinhar em fogo baixo até que o tomate se desmanche.

  6. Adicionar as sardinhas, ajustar o sal e misturar bem.

  7. Retirar a massa do forno, dispor o molho por cima, fazer furinhos com um garfo e voltar ao forno por mais 20 minutos.

Fonte:www.tastemade.com.br

 

Deixe um comentário

Arquivado em Pizzas

Sopa de talos de espinafre

Receita Zero Lactose by Clube do Zero

13537586_490156014516668_3813743773789345275_n

INGREDIENTES
1 maço de talos de espinafre
3 unidades de batata média com casca
1 unidade de cenoura média com casca
1 unidade de cebola média
4 copos americanos de caldo de carne (opcional)
1 colher de sopa de sal
2 colheres de sopa de óleo
1 xícara de chá de água

MODO DE PREPARO
Lavar os talos do maço de espinafres, as batatas, a cenoura e a cebola em água corrente e higienizar em solução de hipoclorito de sódio, seguindo as instruções de rotulagem, picar os talos de espinafre em cubos pequenos, bater no liquidificador com uma xícara (chá) de água e reservar. Refogar em óleo a cebola até ficar transparente, cortar a cenoura em cubos pequenos, adicionar o caldo de talos de espinafre batido, o sal, as batatas, a cenoura e colocar o caldo de carne, deixar as batatas e a cenoura cozinhar. Servir.

Fonte: Ong banco de Alimentos

Deixe um comentário

Arquivado em Sopas

Bolo Reiki

Gente!!

Encontrei esta receita de bolo  no face da minha amiga Roze ( que postou do face da casa Joli), achei super fácil de fazer e com certeza deve ser muito gostosa.

reiki

Ingredientes

BOLO REIKI
4 maçãs raladas com casca
1 xícara de uva passa
1 xícara de nozes picadas
1 xícara de açúcar mascavo
1 xícara de açúcar branco
2 ovos
½ xícara de óleo
1 colher (de chá) de bicarbonato
1 colher (de chá) de pó royal
2 colheres (de chá) de baunilha
2 colheres (de chá) de canela em pó
1 pitada de sal
2 xícaras de farinha de trigo

Modo de preparo

Misture todos os ingredientes, menos a farinha, sem bater. Por fim juntar a farinha e misturar, distribuir a massa em forma untada (de furo central) e assar em forno médio.

 

 

1 comentário

Arquivado em Bolos, Confeitarias, Doces

1o regras básicas de etiqueta

Quando chega o momento de arrumar a mesa, você sabe onde deve ficar a faca? E o guardanapo? Devo colocar música? Posso colocar o prato direto na mesa? Estas são dúvidas básicas recorrentes e solucioná-las faz toda a diferença na hora de preparar uma recepção aos amigos e família. O mesmo acontece quando você é convidado para o evento e fica com receio de agir de determinada forma. Pensando nisso, Casa e Comida selecionou dicas do livro Décor Tables, da Sandra Fóz, para facilitar a sua vida e fazer com que você possa aproveitar sem medo.

americano

1“Minha mobília é tão linda, nem precisa de toalha”. Precisa, sim! Por mais bacana que o móvel seja, nunca coloque o prato diretamente sobre a mesa. Aposte no serviço americano, sousplats ou na tradicional toalha.

2 Se estiver na casa de outra pessoa, observe sempre os anfitriões. Na hora de sentar à mesa, é elegante esperar que eles se sentem antes de se acomodar. O mesmo acontece no momento de começar a comer. A menos que insistam, espere o dono da casa dar a primeira garfada.

3 Vai bebericar o seu drinque no meio da refeição? Não se esqueça de limpar a boca com guardanapo antes. Isso evita as marcas de gordura que ficam na borda do copo.

menu

É essencial apresentar o menu que será servido ao convidado – se for com criatividade, melhor ainda.

Você já decidiu qual louça usar, mas como organizá-las na mesa? A regra é simples: copos ligeiramente à direita, garfos à esquerda, facas à direita e guardanapo à esquerda, ao lado dos garfos. Tudo isso é pensado para a praticidade do convidado.

Para as bebidinhas, sempre deve haver três taças. A maior é para água, a média para vinho tinto e a menor para vinho branco. Vai servir cerveja? Pode adicionar um copo ou caneca na lista.

lugar-marcado

Para não acontecer nenhuma situação embaraçosa, a sugestão é fazer o placement (distribuição) dos convidados por meio de cartõezinhos com o nome da pessoa no lugar que ela deve se sentar. Nesse caso, também dá para abusar da criatividade. Casa e Comida tem várias ideias, quer ver?

8 Nos cumprimentos iniciais, é indispensável que o anfitrião apresente os convidados uns aos outros para que todos se sintam à vontade.

Música é sempre um plus no ambiente, porém, deve-se tomar cuidado com o volume. Aposte em músicas de fundo tranquilas e delicadas e escolha uma altura que não interfira a conversa dos convidados.

balde-de-gelo

10 O gelo para as bebidas não pode acabar. Confira se a quantidade que você possui é suficiente e distribua em baldes próprios para a função. A dica da foto é colocar flores dentro de alguns cubinhos para, além de útil, servir como decoração.

Fonte: Décor Tables, da Sandra Fóz (Ed. Magu, 2015)

Deixe um comentário

Arquivado em Decoração, Dicas